Ferramentas clínicas para o ambiente neonatal/pediátrico

Os pacientes e as famílias confiam em você nos momentos mais vulneráveis. Cuide deles com segurança e tranquilidade, sabendo que a Spacelabs está fornecendo notificações e informações críticas, projetadas para permitir um melhor atendimento ao paciente. A Spacelabs ajuda a proporcionar uma maior eficiência clínica ao fornecer ferramentas para auxiliar na tomada de decisões clínicas e diminuir a fadiga do alarme, além de padronizar os fluxos de trabalho.

Gerenciando A, B e C

Monitorar continuamente e verificar as tendências do estado de ventilação e oxigenação de pacientes neonatais e pediátricos pode ser um desafio. As ferramentas clínicas da Spacelabs para o ambiente pediátrico possibilitam ter conhecimento da situação e auxiliam na tomada de decisões relacionadas aos cuidados desta população única de pacientes.

  • O Varitrend® é o oxicardiorespirograma da Spacelabs que fornece tendências em tempo real, codificadas por cores, de eventos definidos pelo usuário para até quatro dos seguintes parâmetros: ECG, RESP, SpO2 e SpO2 duplo, EtCO2, TcpCO2 e TcpO2. Ofereça melhores cuidados, identificando adequadamente a causa subjacente.
  • Forneça atendimento direcionado por objetivos, personalizando as tendências gráficas e tabulares por tipo de paciente ou fornecedor à beira do leito, ou a partir de qualquer estação de trabalho na rede.
  • O Spacelabs permite o monitoramento de SpO2 duplo, utilizando a sua tecnologia de SpO2 preferida: Spacelabs, Masimo ou Nellcor (Covidien).
  • A colaboração é fundamental nos ambientes de cuidados críticos neonatais/pediátricos. Utilize o Smart Disclosure 3 EM 1, que inclui a colaboração remota para permitir que neonatologistas e pediatras tenham a oportunidade de trabalhar em conjunto para melhorar os resultados dos pacientes.
  • As formas de onda estão disponíveis para consulta remota e supervisão adicional em consultórios médicos e nas salas de descanso.
  • Informação retrospectiva da forma de onda, alarmes relacionados com apneia, bradicardia, dessaturações e qualquer outro parâmetro monitorado.
Crie um ambiente mais silencioso e seguro

O Gerenciamento de alarmes em um ambiente de desenvolvimento pode ser desafiador, especialmente considerando que 85–99% dos alarmes não são clinicamente relevantes.* O conhecimento do estado do paciente e a garantia de alertas acionáveis são essenciais na UTIN/UTIP. Utilize as ferramentas da Spacelabs para determinar rapidamente o estado do paciente, ajudar a tomar decisões clínicas e gerenciar alarmes de forma eficaz, mantendo um ambiente mais silencioso.

  • Favoreça um ambiente mais silencioso, confiando mais em sinais visuais do que em tons sonoros. As luzes do alarme integrado acendem nos monitores do Qube, Qube Mini e do Xprezzon  piscam cores diferentes dependendo da prioridade do alarme. Combine este recurso com o alerta remoto para enfermagem, uma luz autônoma adicional que pode ser colocada acima de um aquecedor ou fora de um quarto privado, para aprimorar ainda mais os sinais visuais relacionados aos alarmes, diminuindo o ruído e a fadiga do alarme.
  • As ferramentas de Gerenciamento de alarmes de segurança ajudam a garantir que os médicos não percam um evento clinicamente significativo, fornecendo recursos como a Barra de histórico de alarmes e alarmes de escalonamento para determinados parâmetros.
  • Estão disponíveis tons de alarme de escalonamento para ECG, SpO2 e monitoramento da Pressão invasiva. O alarme de dessaturação fornece uma notificação adicional para os pacientes que continuam a piorar para além do valor inicial do alarme de SpO2
  • Embora os monitores beira de leito e as Estações centrais sejam dispositivos principais de alarme, a Enterprise Network Interface (ENI) permite a distribuição de dados de alarmes retrospectivos para dispositivos terceiros, como smartphones e Vocera. Saiba o que está acontecendo com os seus pacientes, mesmo quando não estiver à beira do leito.
  • O Tipo de paciente permite que você escolha de forma rápida e simples as configurações padrão para seus pacientes, dentre até 4 opções pediátricas diferentes.
Nunca perca um batimento, mesmo durante o transporte

No momento em que um paciente é conectado ao monitor, um gráfico eletrônico é criado para aquele paciente, e as formas de onda e os sinais vitais são transferidos automaticamente. Ao ser admitido ao monitor, os dados demográficos do paciente são logo conectados a essas informações, criando um registo contínuo. Um fluxo de trabalho padronizado também inclui o gerenciamento eficaz do paciente e do fluxo de dados.

  • Com o Spacelabs SafeNSound, os profissionais de saúde podem usar um leitor de código de barras para admitir automaticamente um paciente ao monitor e, simultaneamente dar alta a ele no monitor que estava sendo usado anteriormente.
  • Assim que as informações forem coletadas e revisadas, imprima em qualquer impressora da rede ou no EMR.
  • Use o pacote Qube Mini ou o Qube Drive e simplesmente desacople o monitor sem fio para transportar pacientes com os mesmos dados de alta acuidade disponíveis à beira do leito.
  • O Qube Drive e o Qube Mini têm uma bateria de longa duração para percorrer distâncias.
  • Como o Qube e o Qube Mini não têm fios, os sinais vitais são enviados automaticamente para o EMR.
  • Após o transporte, use o Data Shuttle para transferir eletronicamente todos os dados demográficos e de monitoramento dos pacientes do monitor de transporte para o monitor à beira do leito, simplificando o processo de ADT e fornecendo um registro contínuo do paciente.

Nem todos os produtos estão disponíveis para venda em todos os países. Entre em contato com seu representante local da Spacelabs Healthcare ou com o escritório regional para obter mais informações.

Baixar o arquivo Soluções para UTIN/UTIP (pdf)

* TJC Sentinel Event Alert, Issue 50, April 8, 2013